Encontro da Catequese celebra o Dia Nacional do Catequista  “A messe é grande, mas os operários são poucos”

Depois de vivenciar um mês recheado de novidades e lindos encontros vocacionais, nos despedimos de agosto de maneira muito especial, pois no último domingo celebramos o Dia do Catequista. Mesmo de forma online, para comemorar, crianças e adolescentes do Santuário prepararam uma bonita homenagem.

Para ajudar os catequizandos a entenderem sobre os desafios e missão do catequista, Fernanda Mesquita, que por um bom tempo ajudou na catequese, atualmente está como coordenadora do Grupo de Adolescentes do Santuário, explicou que essa vocação, trata-se de um chamado que requer doação, disponibilidade e entrega.

O catequista é aquele que vive sua vocação com amor, apesar das dificuldades. Ele tem a missão de fazer com que seus catequizandos tomem gosto pelo projeto de Jesus Cristo. É alguém encantado por Jesus de tal modo que se torna sua testemunha, sendo o sal da terra e a luz do mundo.

O padre Bennelson abrilhantou o encontro com a sua participação e enfatizou que ser catequista é um dom de Deus, requer resposta e compromisso. Agradeceu todo o empenho e dedicação dos catequistas e se colocou a disposição para continuar nos ajudando.

 Os coordenadores da pastoral finalizaram o encontro falando da necessidade de novos operários para a messe, e agradeceu a todos que abraçam essa bela missão. Em meio ao mundo e tantas adversidades, testemunham o caminho, alimentam-se e dão em alimento a Palavra de Deus.

Leave a Reply

Your email address will not be published.