Liturgia diária
Evangelho: Nossa Senhora de Guadalupe . Festa
Santo: Nossa Senhora de Guadalupe – Padroeira de toda a América

Para refletir: “Combata o bom combate da fé, conquiste a vida eterna, para a qual você foi chamado..” São Paulo
Jornal
Galeria de Fotos
  • Uma foto no Flickr
  • Uma foto no Flickr
  • Uma foto no Flickr
  • Uma foto no Flickr
  • Uma foto no Flickr
  • Uma foto no Flickr
Palavra do reitor › 02/03/2017

Salve São José! Salve nossa caminhada quaresmal para a Páscoa!

Caros amigos, leitores do Jornal Santa Edwiges, Paroquianos, Romeiros, Devotos Peregrinos nesta comunidade, que a paz de Cristo nos faça caminhar no amor e na paz.

Mês de março, vamos adentrando com força e vigor, vivendo o convite a conversão e a mudança de vida que a quaresma nos faz. O seguimento do Senhor que nos anuncia a conversão, a mudança de vida, a oração, ao silêncio, a reflexão que nos faz amadurecer e escutar verdadeiramente o que nossa vida e nossa alma precisa. A quaresma nos move a certas práticas propostas, como o jejum! O jejum é um exercício que hoje, é muito mal compreendido ou mal vivido, fazemos jejum para exames, preparação para cirurgia, onde tem a função de purificar o corpo e melhorar a saúde. O Jejum espiritual tem uma função no âmbito de exercício humano espiritual para ajudar a equilibrar, dominar os impulsos, os instintos e oferecer este sacrifício em reparação de faltas e dar como uma forma de sentir ao oferecer o que você não comeu, partilhou, desapegou e poder fazer uma purificação de nossa alma, a fim de nos aproximarmos mais de Deus que nos ama e nos quer sempre mais próximos dele.

O mês de São José! Celebramos neste o Patrono da Igreja, o Guardião do Redentor, Jesus Cristo, Senhor Nosso. Nosso olhar para São José pode nos educar e nos levar a tomar atitudes grandes para a conversão e a mudança de vida. O Homem do silêncio! Como seria bom se ao invés de falar, nós nos propuséssemos a escutar, silêncio operoso, quer dizer presente, junto, solidário, diferente de omissão, descomprometer-se com o que vejo, por que não disse nada, mais ser aquele que escuta com amor, uma escuta transformadora da realidade e da vida.

Um tempo propício para celebrar o Pai de Jesus, e no contexto quaresmal, olhar para o Grande Patriarca e imitar, fazer como ele fez, conhecer a Palavra de Deus e acreditar, ter em Deus a grande fonte de segurança, paz e poder com os olhos da fé. Poder responder e entender os sinais de Deus na vida, nos acontecimentos e fatos, e poder tomar atitudes que possam construir, dar uma realidade nova e proteger a fé e a vida com atitudes que regeneram, dar um novo vigor, refrescar a alma, nossa alma é boa e tem sede de Deus. A quaresma é um tempo de jejum, oração, caridade.

Possamos nos colocar atentos e poder viver o grande mistério de Deus, que sofre ao se entregar por nós, morre, ressuscita e nos envia para continuar a vida e a missão com a certeza de que Deus nos quer, fiéis à sua Palavra e às leis, a nos dada na Sagrada Escritura com o decálogo (dez mandamentos).

Vivamos com alegria e amor este tempo de conversão, e com São José de modelo possamos nos dedicar mais a escuta da Palavra e na vivência com o Filho de Deus. Uma boa quaresma a todos e uma boa celebração de São José. Salve São José! Salve a Quaresma!

Pe Paulo Siebeneichler
Pároco Reitor da Paróquia Santuário Santa Edwiges.

Compartilhe e evangelize: